ERASMUS + PROJETO

Imprimir
Visitas: 1113

Erasmus

OBJETIVO:

 

OS NOSSOS PARCEIROS:

Liceul Tehnologic Eremia Grigorescu, Roménia

Saniye Husamettin Ozaltin Ortaokulu, Turquia

Secondary School "Konstantin Velichkov", Bulgária

Liceo Rosa-Gianturco", Itália

2o Epaggelmatiko Lykeio Katerinis, Grécia

 

MOBILIDADES:

Adana, Turquia, novembro de 2019

Itália, março de 2020

Grécia, maio de 2020

Portugal, outubro de 2020

Bulgária, março de 2021

Roménia, maio de 2021

 

MOBILIDADE À TURQUIA

CASTRO DAIRE – ERASMUS + em ADANA, TURQUIA

 

 Adana

Entre os dias 10 e 16 de novembro de 2019, alunos e professores do agrupamento deslocaram-se à Turquia, concretizando, assim, a primeira mobilidade, no âmbito do PROJETO ERASMUS+KA 229 “TOGETHER TO IMPROVE OUR FUTURE”.

Este projeto envolve a participação de escolas de seis países: Portugal; Itália; Grécia, Turquia; Bulgária e Roménia. Como principais objetivos, salientam-se os seguintes: promover a cooperação escolar a nível europeu, atualizando e reforçando competências profissionais; internacionalizar as escolas, estabelecendo contactos e relações de colaboração duradouros; bem como, fomentar um ambiente multicultural, que permita eliminar barreiras, sem perder as especificidades nacionais.

Nesta mobilidade participaram os alunos Ana Isabel Paiva, Filipa Parente e Raquel Andrade, do 10ºano, e Pedro Correia, do 11ºano, tendo sido acompanhados pelos professores Helena Macedo, Paula Gonçalves e Alberto Marinho.

O projeto irá decorrer ao logo dos anos letivos 2019/ 2020 e 2020/ 2021 e está direcionado para alunos do 9º ao 12ºano. Fazem ainda parte da equipa a professora Lúcia Carvalhas, coordenadora do projeto, e o professor Élio Serrano.

A escola que nos recebeu, nesta primeira mobilidade, situa-se em Adana, uma cidade situada na região sul do país, nas proximidades do mar mediterrâneo, com aproximadamente três milhões de habitantes. Ao longo da semana realizaram-se diversas atividades na escola, de acordo com um programa previamente definido, incluindo sessões de trabalho para professores e alunos. A jornada foi iniciada com uma apresentação multimédia sobre as várias escolas e respetivas regiões, dinamizada pelo grupo de alunos de cada país participante. Entre outras atividades, os alunos, em colaboração com docentes, trabalharam em grupos para a elaboração do logótipo do projeto, assistiram a uma conferência no âmbito da motivação para a aprendizagem, visitaram salas e instalações e observaram aulas, ficando a conhecer as suas metodologias de ensino e especificidades da escola, como, por exemplo, o acolhimento de alunos Sírios nas várias turmas. Todos os participantes foram agradavelmente recebidos com um almoço convívio na escola, ficando a conhecer a gastronomia local e travando amizades. Simultaneamente, e em particular os alunos, tiveram a oportunidade de desenvolver as suas competências comunicativas e linguísticas. A língua comum de comunicação foi o Inglês, no entanto promoveu-se a consciencialização para a importância de todas as línguas, e até o conhecimento de algumas expressões mais comuns. Alunos e docentes foram ainda amavelmente recebidos pelo Diretor Regional de Educação e pelo Diretor Regional do Turismo, nas respetivas instituições.

Para além das atividades subjacentes ao tema da mobilidade, os alunos e docentes envolvidos visitaram algumas das principais referências culturais e turísticas locais, designadamente o centro da cidade, percorrendo as ruas mais antigas, os mercados tradicionais e os bazares; a ponte romana sobre o rio Seyhan e a imponente mesquita local, atualmente a maior do país. Foi realizada também uma visita ao novo museu de Adana, ainda em fase de conclusão. Aqui pudemos observar um vasto leque de obras excecionais da herança histórica e cultural deixada pelas diversas civilizações que marcaram a região ao longo da história.

Houve ainda tempo para uma visita a alguns locais circundantes, como a pequena vila de Tarsus, terra natal do Apóstolo S. Paulo, e a Capadócia, região extraordinária pela sua beleza e originalidade das formações rochosas “chaminés de fadas”. Aqui passámos pelas cidades de Uçhisar e Göreme e observámos algumas das capelas esculpidas nas rochas, construídas na era da ocupação cristã da região. Uma visita guiada ao museu local, “open-air museum”, contribuiu, também, para um maior enriquecimento científico e cultural dos participantes.

Como balanço desta mobilidade concluiu-se, mais uma vez, que a participação em Projetos Erasmus + são determinantes para a modernização e internacionalização do nosso agrupamento, no âmbito da formação e da inovação pedagógica, e das quais a língua inglesa e as TIC são indissociáveis. Estes projetos são, indubitavelmente, uma excelente oportunidade de desenvolvimento pessoal e profissional de alunos e professores.

Consultar Galeria aqui

A professora: Paula Gonçalves

 

giae

giaeINTERNO

Resultado de imagem para centro qualifica

BIBLIOTECALOGO